BBC mente sobre a Coréia Popular

Em artigo assinado por Rupert Wingfield-Hayes, a BBC afirma que a norte-coreana Kim Hyun-hui, de 51 anos teria cometido, quando tinha 19 anos, um atentado com uma bomba e derrubado um avião, matando 115 passageiros a mando de Kim Il Sun e Kim Jong Il. A suposta história é contada numa entrevista em que a "ex-agente" norte coreana estaria em algum lugar na Coréia do Sul, protegida contra o governo do Norte.

"Atualmente, ela vive reclusa em algum lugar na Coreia do Sul – e não pode dizer onde. No dia em que nos encontramos, Kim Hyun-hui estava, como sempre, acompanhada de um grupo de homens fortemente armados e com ternos desalinhados. Ela convive com o temor de que o governo da Coreia do Norte queira matá-la", diz o artigo. E o articulista prossegue: "Há boas razões para isso. Kim Hyun-hui é uma ex-agente do serviço secreto norte-coreano. Há 25 anos, seguindo ordens de Pyongyang, ela explodiu um avião de uma companhia sul-coreana, matando todos os 115 passageiros a bordo".

A história é uma invenção grosseira porque simplesmente a explosão e a queda do avião sul coreano citado não foi provada como atentado. Sem muito esforço fizemos um levantamento de todos os acidentes e quedas de aviões daquela época. Os acidentes com aeronaves da Korean Air na época foram: 19/11/80, Boeing 747, aeroporto de Seul, 14 mortos; 01/09/83, outro 747, 269 mortos, em Sakhalinsk (o tal voo 007); 27/07/89, DC 10, 75 mortos, em Trípoli, na Libia; 06/08/97, 747, 228 mortos em Guam. Houve ainda acidentes em vitimas em 10/08/94, com um airbus a-300, no aeroporto de Cheju, outro em 05/08/98, outro em 15/03/99. O fato das autoridades da Coréia do Sul terem transformado uma queda em um "atentado proposto pelo governo do norte" não convenceu nem o Conselho de Seguraça da ONU. O Conselho se reuniu por dois dias à época da acusação e não tomou nenhuma medida por falta de provas.  

A historinha da agente secreta dá uma novelinha pro horário das cinco. O artigo publicado pela BBC não passa, portanto, de mais uma provocação contra a Coreia Popular e seus líderes.  

Sérgio Cruz

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!