NANJING! NANJING!

NANJING! NANJING!

NANJING! NANJING!
Lu Chuan (2009), com Ye Liu, Wei Fan, Hideo Nakaizumi, CHINA, 132 min. 

Sinopse
Em julho de 1937, o Exército Imperial Japonês, que já havia se apoderado da província da Manchúria em 1931, inicia a operação de desembarque de nove unidades de infantaria e duas de artilharia para conquistar Nanjing, a capital da China na época. Sob selvagem bombardeio da população civil, a cidade portuária de Xangai é tomada ao final de novembro. Nanjig cai em 13 de dezembro de 1937. Nas seis semanas que se seguem, o exército japonês, comandado pelo príncipe Asaka Yasushiko, promove na capital a matança de 300 mil civis e prisioneiros de guerra, acompanhada da execução sistemática e generalizada de estupros, visando aterrorizar e paralisar pelo medo a resistência de 400 milhões de chineses.
“Nanjing! Nanjing!” traz à tona essa trágica história, vista pelos olhos de dois personagens: um soldado chinês e um soldado japonês. Prêmio de Melhor Filme no Festival de San Sebastian (2009), de Melhor Diretor e Melhor Fotografia no 4º. Asian Film Awards. 

Direção e Argumento Original: Lu Chuan (1971- )
Nascido na cidade chinesa de Kuitun, Lu Chuan graduou-se, em 1998, na Academia de Cinema de Pequim. É um dos principais expoentes da chamada “sexta geração”, tendo realizado quatro longas, que receberam 38 premiações na China e no Exterior: “O Revólver Perdido” (2002), “Patrulha da Montanha” (2004), “Nanjing! Nanjing!” (2009) e “A Última Ceia” (2012). 

Música Original: Liu Tong
Liu Tong assina também a trilha musical de “Era Uma Vez no Tibete” (Daí Wei, 2011).

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!