De acordo com a France Presse, no Amazon, principal sítio da internet de venda de livros, a obra "1984" está a ser constantemente procurada desde que o jornal Guardian publicou as primeiras notícias sobre o sistema PRISM, da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês) e que prevê a vigilância de conteúdos de comunicação privada através dos principais servidores comerciais como a Google, Facebook ou Youtube, além de companhias telefónicas.

O livro publicado em 1949, um ano após a morte de Orwell, passou nas últimas 24 horas da posição 6.208 do top de vendas online para o lugar 193.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2013_06_11/Livro-1984-campeao-de-vendas-apos-escandalo-de-espionagem-nos-EUA-5595/