Focus eleva de 1,03% para 1,1% expectativa de contração do PIB neste ano

 

Os analistas de instituições financeiras - base para decisões do governo - pioraram novamente suas expectativas para o desempenho da economia neste ano, segundo o relatório Focus divulgado nesta segunda-feira pelo Banco Central. Para o Produto Interno Bruto (PIB, soma de bens e serviços produzidos no país), a estimativa de contração em 2015 subiu de 1,03% para 1,1%. Para 2016, a projeção foi mantida em 1%.

 

A mediana das expectativas para o IPCA de 2015 foi revisada para cima, de 8,23% para 8,25%, com alta esperada de 13,10% dos preços administrados, 0,10 ponto percentual a mais. Para 2016, a projeção permaneceu em 5,60%, com os preços administrados subindo 5,71%, ante 5,60% antes.

 

Foi mantida a expectativa de que a taxa básica de juros, a Selic, será elevada em 0,50 ponto percentual na reunião desta semana do Comitê de Política Monetária (Copom), indo a 13,25%.

 

A pesquisa mostrou ainda que o cenário para a política monetária neste ano não mudou, com a perspectiva de que a taxa será elevada ainda mais uma vez, em junho, em 0,25 ponto, sofrendo corte em novembro para encerrar este ano a 13,25%.

 

Para o fim de 2016, a mediana das projeções aponta expectativa de que a Selic terminará a 11,50%, com o Top-5 vendo a taxa a 12%, em projeções mantidas sobre a semana anterior.

 

Já para o dólar, a estimativa para o fim de 2015 passou a R$ 3,20 , sobre R$ 3,21 na semana anterior, e para o fim de 2016 ficou em R$ 3,30, sem alteração.

 

FONTE O GLOBO

 

 

 

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!