Estaleiro Mauá fecha as portas em Niterói

 

Crise financeira leva empresa a encerrar atividades temporariamente. Aviso chegou aos trabalhadores nove dias após outros mil funcionários terem sido demitidos

 

O Estaleiro Eisa - Petro Um (antigo Mauá) fechou as portas, temporariamente, em razão da crise financeira provocada pelas medidas de adequação da Petrobras à nova realidade financeira.

Em nota divulgada ontem (2), o Sindicato dos Metalúrgicos de Niterói e Itaboraí informou que o fechamento das portas da empresa será necessário até que o estaleiro se adeque as questões financeiras.

Em reação ao comunicado, o Sindicato dos Metalúrgicos de Niterói está convocando todos os funcionários do Estaleiro Mauá para uma concentração na porta do Sindicato a partir das 8h de hoje (3) para organizar uma grande passeata em direção à Petrobras com atos também na sede da Transpetro, subsidiária da Petrobras e da Caixa Econômica Federal, todos localizados no centro do Rio.

Com informações da Agência Brasil

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!