CGTB: Dia Nacional de Lutas reúne milhares na Avenida Paulista

CGTB: Dia Nacional de Lutas reúne milhares na Avenida Paulista
 
Diversas paralisações e mobilizações foram realizadas em todo o Brasil

Milhares de trabalhadores tomaram as ruas em todo o país no Dia Nacional de Lutas nesta quinta-feira, 11 de julho. Na capital paulista ocorreram diversas mobilizações e paralisações que culminou em uma grande manifestação unificada na Avenida Paulista convocada pelas Centrais Sindicais, movimentos sociais e partidos políticos...

Nesta quinta-feira (11/07) o Brasil vai parar. As Centrais Sindicais, os movimentos sociais e partidos políticos organizarão, unitariamente, atos de mobilizações e paralisações em todo o país. Vamos dizer não ao desvio de recursos do Orçamento para o cofre dos banqueiros, através do mecanismo chamado de superávit primário. Queremos que as riquezas produzidas pelos brasileiros sejam investidas a favor do desenvolvimento nacional e bem estar da família brasileira...

Para debater os ajustes finais da organização do Dia Nacional de Lutas com Mobilizações e Paralisações que ocorrerão nesta quinta-feira, dia 11 de julho, as Centrais Sindicais se reuniram na manhã desta quarta-feira (10), em São Paulo. O presidente da CGTB, Ubiraci Dantas de Oliveira (Bira) informou que a CGTB junto com as demais Centrais estarão presentes nos atos que serão realizados em Aracaju, Salvador, Maceió, São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Porto Alegre e Belo Horizonte...

A Federação Sindical Mundial (FSM) enviou uma nota de apoio e solidariedade ao Dia Nacional de Lutas com Mobilizações e Paralisações organizado pelas Centrais Sindicais brasileiras e que será realizado nesta quinta-feira, 11 de julho...



 

Dia 11, a voz das ruas exige que o dinheiro público vá para o público: transportes, educação e saúde

Acostumar-se com a mediocridade não é próprio do ser humano. Muito menos é próprio de um povo que em poucos anos construiu uma Nação – e uma economia nacional poderosa – e que há pouco mais de dois anos levava o seu país a um crescimento que estava entre os maiores do mundo...

Programa "Mais Médicos Para o Brasil" não amplia orçamento e mantém subfinanciamento da Saúde

A presidente Dilma Rousseff lançou na última segunda-feira (8), o programa "Mais Médicos", que tem o objetivo de ampliar o número de médicos atuantes na rede pública de saúde na periferia das grandes cidades e nas regiões com maior déficit de médicos do país. A medida adotada pelo governo federal vem em resposta às reivindicações feitas nas diversas manifestações pelo país inteiro desde junho...

 
facebook