CGTB: Pela suspensão imediata do aumento das passagens do transporte coletivo em São Paulo

Fim da repressão e liberdade de manifestação

Ademar Coqueiro
CGTB presta todo apoio ao movimento pela redução das tarifas do transporte coletivo

A passagem de ônibus em São Paulo é a mais cara do país e uma das maiores do mundo, que garfa grande parte do salário do trabalhador. Preço caro e serviço de péssima qualidade, com engarrafamentos quilométricos, faz com que os usuários percam horas e horas do seu dia dentro do ônibus, metrô e trem. Em vários casos, o trabalhador leva três horas para ir para o trabalho e três horas para voltar para casa.

Em várias capitais o preço da passagem de ônibus foi reduzido por iniciativa do prefeito ou por ação judicial. São Paulo é a cidade mais rica do país e tem todas as condições para suspender o aumento.

O que faltou de sensibilidade às autoridades ao aumentar absurdamente os preços dos transportes coletivos sobrou na truculência contra os manifestantes, que nada mais fazem do que exercer o seu direito constitucional de livre expressão. Portanto, essa truculência merece todo o nosso repúdio.

Oferecer transporte coletivo de qualidade e propiciar que a população tenha acesso a esse serviço essencial é um dever do Estado. Por isso, a Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB) presta todo o seu apoio e solidariedade ao movimento pela redução das tarifas do transporte coletivo em São Paulo.

Suspensão do aumento das passagens já!

Fim da repressão aos manifestantes!

São Paulo, 17 de junho de 2013

Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB)

 

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!