“Qualquer decisão sobre a Síria fora da Carta da ONU é ilegal”, afirma chefe do Itamaraty

“Qualquer decisão sobre a Síria fora da Carta da ONU é ilegal”, afirma chefe do Itamaraty

 

Luiz Alberto Figueiredo afirmou nesta sexta-feira (30), em Paramaribo, no Suriname, em sua primeira viagem como novo ministro das Relações Exteriores, que “a política externa do Itamaraty é a política externa da presidenta Dilma Rousseff”. Em entrevista durante a VII Cúpula da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), ele disse que o ingresso em território brasileiro do senador boliviano Roger Pinto Molina, que estava asilado na embaixada do Brasil em La Paz, não vai alterar as relações do Brasil com a Bolívia.

A presidenta Dilma Rousseff se encontrou hoje durante uma hora com o presidente da Bolívia, Evo Morales, antes do início da reunião da Unasul. Segundo Figueiredo, Dilma “demonstrou ao presidente Evo Morales seu repúdio ao episódio de retirada do senador Roger Pinto Molina da Bolívia”.

Luiz Alberto Figueiredo também falou sobre o conflito na Síria e a posição do governo brasileiro em relação ao suposto uso de armas químicas. Ele disse que o “uso da força na Síria precisa da anuência das Nações Unidas” e que “qualquer decisão sobre a Síria fora da Carta da ONU é ilegal”.

 

 

facebook


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!